Logar no site

Nome *
Senha *
Lembrar

Cinco são condenados por tráfico internacional em processo da Operação Alba Vírus

Setembro 24, 2020 153 0

SANTOS - Cinco réus foram condenados nesta quarta-feira (23) pelo juiz federal Roberto Lemos dos Santos Filho, da 5ª Vara Federal de Santos, pelo crime de tráfico internacional de drogas no processo da Operação Alba Vírus.

Com a decisão da Justiça, todos os réus desse processo terão que cumprir regime inicial fechado de prisão, além do pagamento de multas, por tráfico internacional.

Karine de Oliveira Campos e seu companheiro, Marcelo Mendes Ferreira, seriam os responsáveis pelo processo de aquisição e importação das drogas para o território nacional. Eles também teriam a incumbência de promover o transporte e a exportação dos entorpecentes através dos portos brasileiros.

Karine foi condenada a 17 anos e dois meses de reclusão, além do pagamento de 2.338 dias-multa. Já Marcelo foi condenado a 15 anos, dois meses e 10 dias de prisão, com pagamento de 2.062 dias-multa.

Outro condenado nesse processo foi Éder Santos da Silva, que terá que cumprir pena de 13 anos, um mês e 26 dias de reclusão, além do pagamento de 1.858 dias-multa.

André Luís Gonçalves foi condenado a nove anos e quatro meses de detenção, com pagamento de 1.399 dias-multa.

Pedro Marques Oliveira também foi condenado nesse processo a 12 anos e oito dias de reclusão, com pagamento de 1.745 dias-multa.

De acordo com a decisão judicial, todas a multas deverão ser calculadas à razão de um trigésimo do valor do salário mínimo vigente no tempo em que os fatos ocorreram.



Entenda o caso
O grupo criminoso utilizava o transporte marítimo para enviar principalmente cocaína para países da Europa. As investigações indicaram que o grupo teria sido responsável pela remessa de mais de 6 toneladas da droga.

Segundo a PF, as investigações começaram após prisão em flagrante de um dos integrantes da organização, no dia 20 de fevereiro de 2019, em Guarujá. Por meio dele, os policiais chegaram a outros membros, bem como a diversos bens e imóveis adquiridos com o dinheiro do tráfico. Foram identificados, ainda, diversos integrantes que atuam na aquisição e ocultação dos bens adquiridos com o proveito do crime.

Com a análise dos celulares apreendidos, os agentes encontraram diversos vídeos nos quais os investigados aparecem ocultando grandes quantidades de cocaína em meio a cargas lícitas, em contêineres que embarcaram em navios com destino à Europa.

Em agosto do ano passado foram cumpridos 42 mandados de busca e apreensão, expedidos pela 5ª Vara Federal de Santos. A Justiça decretou também o sequestro de mais R$ 23 milhões em imóveis. Os mandados foram cumpridos em endereços nos estados de São Paulo, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul e da Bahia.

De acordo com a PF, o nome da operação, Alba Virus, em latim, que significa vírus ou veneno branco, faz referência à cocaína, substância entorpecente objeto do tráfico internacional praticado pela organização criminosa. 

 

Fonte: Santaportal

Classifique esta materia
(0 votes)
Ultima modificação em Quinta, 24 Setembro 2020 13:24
Conexão 013

Se você apareceu nesta matéria e quer o direito d resposta entre em contato no email contato@conexao013.com.br

conexao013.com.br/
© 2020 Conexão 013

Nothing found!